google-site-verification=ldFPMJs5-yw4C3ux8Xv8ENWEiUVKr0YQXFz1pwdIcXE
top of page

Das fibras naturais à ancestral folha Guayusa

É interessante observar como algumas pessoas descobrem um determinado elemento e fazem dele coisas incríveis. É o caso de Adriana Marina com suas organizações Animaná e Feito por nós, em espanhol, Hecho por Nosotros, bem como a história de Waykana à frente de Demetrio Santander e Juan David Gómez, que foi anunciada no painel “Inovação e Sustentabilidade em Negócios Internacionais” organizado em 8 de maio pela Fairleigh Dickinson University, nos Estados Unidos.



Fonte - Fabricação de corda de fibra natural (acessado em 30 de junho de 2021)


Moda e energia saudável são pilares que sustentam uma grande cadeia de valor que beneficia seus consumidores e gera um poderoso impacto positivo em comunidades distantes do mundo que conhecemos. É o caso de artesãos dos Andes, da Patagônia ou do norte da Argentina, como os produtores indígenas da floresta amazônica equatoriana.


Já Adriana busca dar reconhecimento e valor aos artesãos que trabalharam com fibras naturais, mobilizando centenas de pessoas e reunindo diversos atores em um mesmo cenário e com um objetivo comum: uma mudança sistêmica nos sistemas de consumo e produção; Demetrio Santander e Juan David Gómez encontraram um pensamento comum com as comunidades agrícolas indígenas da Amazônia: compartilhar a visão de uma vida mais saudável e energética por meio da ancestral folha Guayusa.


Tanto as fibras naturais quanto a guayusa são elementos poderosos que a natureza nos oferece, com inúmeros benefícios tanto para o meio ambiente quanto para a saúde, além de serem elementos sagrados para cada uma das comunidades.


Se falamos, por exemplo, de fibras naturais nos têxteis andinos, cada padrão de cor e forma geométrica tem um significado e representa conceitos valiosos sobre o universo. Dessa forma, toda vez que um pano é tecido, a comunidade se conecta com o universo e se lembra da sabedoria milenar. Por outro lado, a ancestral folha da guayusa, o povo indígena Kichwa da Amazônia, tem usado sua folha como fonte de energia natural e uma forma de se conectar com a pachamama, (a mãe terra), e sua comunidade.


2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page