google-site-verification=ldFPMJs5-yw4C3ux8Xv8ENWEiUVKr0YQXFz1pwdIcXE
top of page

Consumo consciente: vantagens do modelo de moda circular




Uma forma de ajudar o meio ambiente é através da conscientização. Conhecer o lugar que habitamos e conhecer a nós mesmos envolve um trabalho de profunda reflexão, que nos permite compreender o que precisamos e o que não.


O consumo consciente de qualquer produto nos convida a questionarmos o que está por trás da sua elaboração, conhecer como foi o processo, saber de onde vem, quem confeccionou uma roupa e em que condições o fez. É despertar em cada um este olhar crítico que nos permite consumir de forma sustentável.


Para Adriana Marina, fundadora da Animaná e da Hecho x Nosotros, “a moda fala muito de sustentabilidade, mas está muito longe de ser sustentável”. Ela tem razão no que diz, tendo em conta que, em vários casos, compramos roupas que usamos só uma vez, jogamos fora roupas que ainda estão em bom estado, e guardamos vestidos ou blusas só porque que saíram de moda. A lista só aumenta quando começamos a dar nome àquilo que estamos fazendo errado.


Hoje, mais que nunca, nossas práticas de consumo desempenham um papel fundamental em uma indústria sustentável, especialmente se, através de uma observação interna, encontrarmos nosso próprio estilo. Isso nos permite questionar se é necessário seguir tendências ou simplificar nosso guarda-roupa com roupas básicas mas de boa qualidade, reinventando looks que gostamos com peças que já temos. É preferir a qualidade invés da quantidade.


Outra forma de consumir conscientemente é entender que a taxa de uso de cada peça de roupa é cada vez menor, portanto, a ideia é aumentar a vida útil dos produtos. E como podemos fazer isso? Comece por doar roupas ao invés de jogá-las fora ou troque com amigos; compre menos ou compre em brechós; alugue roupas e acessórios para eventos especiais; e lave a roupa com menos frequência, usando detergentes não agressivos e seguindo as instruções da etiqueta para conservar a qualidade da peça.


Como mencionou Adriana Marina no webinar sobre consumo consciente na Semana de Revolução da Moda (Fashion Revolution Week, em inglês), essas ações não só geram benefícios ambientais e culturais, mas também, através da mudança de mentalidade tanto de designers como de consumidores, atinge-se um grande impacto social, tendo como aliada a tecnologia.


51 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page